Patrocinadores

  • brali
  • mabera
  • douro digital
  • de les a les

27 de Agosto de 2018 

Foi uma entrada em falso neste campeonato, a do Infesta, ao perder em casa com o Vila por 0-1 num jogo em que foi superior ao adversário mas o desacerto na finalização e o anti-jogo da equipa de Vila Nova de Gaua, não permitiram que se conquista-se qualquer ponto.

  • Domingo | 26 de Agosto | 17h00
  • Parque de Jogos – Manuel Ramos – Arroteia, São Mamede de Infesta
  • .
  •  
  • INFESTA 0-1 VILA FC
  • 0-1 Amaral (p.b.)(20′)
  • .
  • INFESTA: Miguel; Mourão, Amaral, André Ribeiro (C), Jonas; André Moreira, Lúcio, Morgado (Tiago Santos, 46′); Ruca (Bessa, 74′), Rui Filipe (Ventura, 46′) e João Rodrigues (Paiva, 74′).
  • TR: Jorge Pinto
  • Não utilizados: Gouveia, Ricardo e Estrela.

Perante uma boa moldura humana, a equipa do Infesta entrou bastante intranquila, a acusar a pressão por ser o primeiro jogo oficial da temporada, enquanto a equipa forasteira com alguma “matreirice”, procurava jogar no contra-ataque mas sem sucesso. No entanto foi a equipa do Vila que aos 20 minutos chegou à vantagem, num livre apontado da esquerda, a bola foi cruzada para a área onde Amaral, pressionado por Monteiro, introduziu a bola na própria baliza. O Infesta responde e aos 25 minutos numa jogada rápida de ataque, Ruca deixa na esquerda em Jonas que faz o cruzamento ao segundo poste mas Rui Filipe, completamente sozinho, falha a emenda perdendo-se uma excelente oportunidade para chegar ao empate. Pouco depois, o Infesta começa a tomar conta do jogo e aos 41 minutos, Rui Filipe cruza da esquerda para a área onde está Ruca que de cabeça atira à figura.

Na segunda parte, Jorginho faz duas alterações e notou-se um Infesta mais determinado, logo a abrir, Lúcio em posição frontal, rematou mas a bola saiu pouco ao lado. Pouco depois, livre à entrada da área onde André Moreira atira ao ângulo mas o guardião forasteiro, sacudiu para canto fazendo a defesa da tarde. Na sequência do canto, a bola sobra para a entrada da área onde Tiago Santos remata à figura de Taha. O Infesta estava mais acutilante e aos 57 minutos, Ruca cruza da esquerda ao primeiro poste onde estava João Rodrigues que falha a emenda mas a bola sobra para Ventura que se preparava para a recarga mas Gomes corta “in extremis” a possibilidade do empate. O Infesta mandava no jogo mas a equipa do Vila, percebendo que iria ter dificuldades em atacar, praticamente abdicou disso mesmo e foi fazendo anti-jogo de forma a parar o ímpeto atacante do Infesta. Num forcing final, aos 87 minutos, Jonas remata e Taha com alguma dificuldade quase introduz a bola na própria baliza, mas defendeu para canto. No pontapé de canto, André Moreira cabeceou a bola na zona de penalti para mais uma grande intervenção de Taha, na recarga, Lúcio atirou ao poste. A terminar, Taha fez mais uma grande intervenção a remate de Tiago Santos, não permitindo que o Infesta conseguisse pelo menos somar um ponto na partida.

A derrota é extremamente injusta, perante um adversário que desde que assumiu a liderança, praticamente abdicou de atacar. A equipa de arbitragem foi bastante permissiva com o anti-jogo do Vila, prejudicando o espectáculo. Na próxima jornada, o Infesta desloca-se ao Estádio Rei Ramiro, em Santa Marinha para defrontar o FC Foz.

Galeria de fotos: INFESTA 0-1 VILA FC

Foto: Carla Ferreira

Partilhar...

Categories: Futebol Sénior, Ultimas

Comments are closed.