Patrocinadores

  • brali
  • mabera
  • douro digital
  • de les a les

19 de Fevereiro de 2018

  • Divisão de Elite | AF Porto | 21ª jornada
  • Pedrouços 1-1 INFESTA
  • Domingo, 18 de Fevereiro, 15h00
  • Local: Estádio Municipal de Pedrouços, Maia
  • INFESTA: Rui Diogo; Lico, Amaral, André e Jonas; Lúcio, Couto e Vitinha (Ricardo, 60′); Rui Filipe (Braga, 84′), Varela (Ruca, 28′) e João Rodrigues.
  • Tr: Jorginho
  • Não utilizados: Miguel, Cardoso, Mário e Lima.

Num duelo entre vizinhos, foi a equipa da casa que entrou melhor e chegou cedo à vantagem, através de uma grande penalidade inexistente. Na segunda parte, o Infesta entrou a todo o gás e com naturalidade empatou a partida.

A partida iniciou com uma grande penalidade inexistente a favor do Pedrouços, logo aos 5 minutos, o árbitro da partida, João Pereira, assinalou uma falta de Rui Diogo que no seu entender, tocou no pé de apoio do avançado da equipa da casa, Davi. Na conversão, Rui Diogo defendeu o remate de Cadinha, no entanto, na jogada seguinte, novo lance polémico na área do Infesta, pois novamente o árbitro assinalou grande penalidade a favor do Pedrouços, novamente inexistente por pretensa mão de Couto, desta vez na conversão, Carlos não desperdiçou e deu vantagem aos locais. Pouco depois, João Rodrigues apoderou-se da bola e com a baliza deserta, demorou a “rodopiar” e perdeu a oportunidade de empatar a partida. Em lances de bola parada, Couto e Gilberto estiveram perto de marcar para ambos os lados mas a melhor jogada da primeira parte, pertenceu ao Infesta, João Rodrigues em lance individual passou por três defesas, ganhou posição mas o remate bateu nas malhas laterais. O resultado ao intervalo era injusto para o Infesta.

Na segunda metade o Infesta mostrou-se superior e determinado em mudar o rumo dos acontecimentos, João Rodrigues no primeiro lance rematou ao poste da baliza de Manu e pouco depois foi a vez de Rui Filipe de criar perigo mas o remate saiu ao lado. Na resposta, João Luís fugiu pela lateral e rematou para uma intervenção segura de Rui Diogo. Desta vez a equipa de arbitragem fez “vista grossa” a uma falta sobre André, dentro da grande área do Pedrouços, de nada valendo os protestos da equipa do Infesta, no entanto a equipa de Jorginho estava por cima e aos 71 minutos chegou ao empate, Lúcio assistiu João Rodrigues que não desperdiçou e fez o justo empate. Até final ambas as equipas criaram alguns lances de perigo mas souberam sempre controlar as investidas atacantes, permanecendo até final o empate a uma bola.

O resultado acaba por se ajustar ao que ambas as equipas protagonizaram dentro dos 90 minutos, embora o Infesta tenha razões de queixa da equipa de arbitragem. A equipa soma agora 25 pontos, mantendo o 9º lugar na tabela classificativa. Na próxima jornada, o Infesta recebe o Candal.

Foto: Carla Ferreira

Partilhar...

Categories: Futebol Sénior, Ultimas

Comments are closed.