Patrocinadores

  • brali
  • mabera
  • douro digital
  • de les a les

23 de Abril de 2018

  • Divisão de Elite | AF Porto | 29ª jornada
  • INFESTA 4-0 RIO TINTO
  • Domingo, 22 de Abril, 16h00
  • Local: Parque de Jogos – Manuel Ramos – Arroteia
  • INFESTA: Miguel; Lico (Cardoso, 83′), Amaral, André Ribeiro e Jonas; Ricardo, Lúcio (Lima, 46′), Couto e Mário (Vitinha, 73′); Ruca (Rui Filipe, 73′) e João Rodrigues (Braga, 83′).
  • Tr: Jorginho
  • Não utilizados: Rui Diogo e Varela.

O Infesta despediu-se esta temporada dos seus adeptos com uma excelente exibição e com uma goleada, perante um adversário que foi uma nulidade nesta partida, perante o bom campeonato que realizou, tendo sido apontado desde inicio a candidato à subida de divisão.

Foi uma primeira parte de sonho a que a equipa de Jorginho realizou na tarde deste domingo, logo aos 5 minutos, Couto do meio da rua fez um remate soberbo que só parou no fundo da baliza do guarda-redes Matos. Pouco depois, o domínio do Infesta acentuou-se com o segundo golo da partida, aos 10 minutos, cruzamento da direita de Lico para a área onde apareceu Ruca que na cara do guarda-redes, não perdoou e aumentou a vantagem para o Infesta. O Infesta dominava a partida a seu belo prazer, sem deixar que o Rio Tinto pensasse sequer em criar perigo à baliza de Miguel. Aos 28 minutos chegou o terceiro golo, Ruca, que fez uma excelente exibição, passou por um defesa, ultrapassou o guardião Matos e já em desequilíbrio, teve a habilidade de cruzar atrasado para Mário que com toda a calma, fez o 3-0. Sem esboçar qualquer reacção do Rio Tinto, o Infesta esteve perto do quarto golo antes do intervalo, na melhor jogada colectiva da equipa, Mário não conseguiu bisar na partida.

Na segunda metade, a equipa forasteira fez três alterações e melhorou a sua exibição, aos 61 minutos, Miguel a dois tempos, teve de se aplicar a remate de Carlos Sousa. Na resposta, Lico cruzou para Ruca mas desta feita não conseguiu bater Matos. O Rio Tinto queria marcar o tento de honra e o Infesta, com as alterações que Jorginho foi fazendo, colocando muitos dos “miúdos” da formação em campo, foi caindo um pouco mas sempre com qualidade. Diogo, Carlos Sousa e Maga obrigaram Miguel a aplicar-se e aos 89 minutos, numa rápida jogada de contra-ataque, Rui Filipe ficou isolado a passe de Vitinha e na cara de Matos, não desperdiçou e fez o 4-0 final.

O Infesta despede-se dos seus adeptos esta temporada com uma exibição de luxo, somando mais 3 pontos e aproveitando a derrota do Maia Lidador para subir um lugar na tabela classificativa. Na próxima jornada, a equipa termina o campeonato com a deslocação ao Oliveira do Douro.

Foto: Carla Ferreira

Partilhar...

Categories: Futebol Sénior, Ultimas

Comments are closed.