José Guimarães

Evidenciou-se no sector defensivo do FC Infesta, nas décadas de 70 e 80. Iniciou a sua carreira com 15 anos no Progresso, tendo para tal, pedido autorização ao Ministério da Educação pois não se podia jogar futebol com menos de 16 anos. Escolheu o rival Progresso, pelos amigos que lá tinha a jogar, mas dois anos depois, a paixão pelo Infesta foi mais forte e ingressou na equipa de juniores.

Fez apenas 4 jogos nos juniores, tendo sido logo chamado para actuar nos seniores pois a equipa estava numa situação complicada. Devido aos estudos, deixou o futebol em 1972, mas um ano depois, por ocasião de um torneio de velhas guardas, alguns atletas dessa equipa decidiram apelar a alguns jogadores que ajudassem o Infesta a sair da difícil situação em que se encontrava e José Guimarães foi um dos que regressou.

Com Augusto Mata como timoneiro da equipa, o Infesta subiu três temporadas seguidas de divisão, parando na 3ª Divisão Nacional. José Guimarães foi um dos esteios do onze e evidenciava-se por ser o “delfim” da equipa pois muitos dos seus companheiros, eram já trintões.

Jogou até à temporada 1986/87 e coleccionou os títulos de Campeão Distrital da 3ª Divisão (1973/74), da 1ª Divisão (1983/84) e de um torneio da AF Porto (1979/80).