Futebol: Infesta arranca primeiro empate da temporada

Infesta e Fafe, repetiram o resultado de 2009.

O Infesta empatou a uma bola com o Fafe, naquele que é o primeiro empate conquistado pelo Infesta nesta temporada. Pela primeira vez, desde o encontro da 12ª jornada, com o Vilaverdense, o Infesta apresentou-se com 18 elementos na ficha de jogo. José Manuel Ribeiro pôde assim mexer com a partida na segunda parte, quando o Infesta se encontrava a perder, empatou a partida e esteve mais perto da vitoria do que a equipa visitante.

INFESTA: Ricardo, Jorginho, Rui Jorge, Correia, Pedro Pereira, Dany (Pedro Nuno, 64′), João Reis, Vitinha I, Serge (Digas, 59′), Vitinha II (Bruno Pereira, 87′) e Ricardinho.

A primeira parte desta partida, foi bem disputada mas sem grandes ocasiões de golo. Tanto o Infesta como o Fafe, encararam o jogo com cautelas, não dando espaços na defesa. Por isso, o primeiro sinal de algum perigo foi do Infesta aos 17 minutos, num remate de Ricardinho que saiu por cima. Aos 25 minutos, o Infesta esteve perto de chegar ao golo quando Correia cabeceia pouco por cima da baliza de Pedro Freitas, após canto batido por Vitinha I. O Fafe deu um ar da sua graça à passagem da meia hora, quando num cruzamento de Primo pela direita, João Carneiro isolado na esquerda atira para boa defesa de Ricardo. O Infesta era a equipa mais afoita e aos 35 minutos, o irrequieto Ricardinho aparece isolado pela direita e remata para defesa do guardião visitante para canto. Na resposta, Filipe ganha espaço à entrada da área do Infesta para o remate, mas sai muito por cima. Ainda antes do intervalo, um livre perigoso à entrada da área, descaído para a direita a favor do Fafe, causou calafrios ao Infesta quando Tiago André de primeira, atirou rente ao poste de Ricardo. Ao intervalo, o empate a zero ajustava-se.

Na segunda metade, o Infesta entrou determinado em procurar o golo e aos 51 minutos, uma boa finta de Serge pela direita, tira o defesa da frente, cruza rasteiro ao primeiro poste para Ricardinho que falha o remate, mas a bola ainda sobra para Vitinha II que incrivelmente, também falha o remate. Pouco depois e contra a corrente do jogo, o Fafe chega ao golo. Cruzamento da esquerda de Ferrinho à meia altura para a área e Filipe, aproveitando a desatenção dos centrais do Infesta, inaugurou o marcador de cabeça. Sem ter feito muito por isso, o Fafe chega à vantagem. O treinador do Infesta, pouco depois, fez entrar Digas que veio dar maior velocidade ao ataque. Digas que com apenas 4 minutos em campo, consegue arrancar uma grande penalidade a favor do Infesta, quando na luta com o defesa José Manuel, acaba por ser empurrado. Na transformação do castigo máximo, Vitinha I atira colocado para o empate, de nada valendo a estirada do guarda-redes Pedro Freitas que adivinhou o lado. Aos 73 minutos, uma boa jogada de ataque do Infesta, Pedro Nuno pela direita, deixa rasteiro para Vitinha I que com um toque, desmarca na esquerda Vitinha II e este, num remate em vólei, atira a rasar o poste da baliza da equipa do Fafe. Aos 88 minutos, Filipe ganha espaço à entrada da área do Infesta e à meia volta, atira por cima da baliza de Ricardo. A partida terminou, poucos minutos depois.

O empate acaba por se ajustar ao que se passou nos 90 minutos. O Infesta teve apenas uma desatenção que acabou por dar o golo do Fafe. O árbitro, Sr. António Moreira de Vila Real, esteve bem durante toda a partida. Com este empate, o Infesta beneficiou da derrota do Padroense no Estádio do Bessa, frente ao Boavista e subiu um lugar na tabela classificativa. Na próxima jornada, o Infesta desloca-se até ao terreno do Desportivo de Chaves.

Deixe um comentário