Futebol: Infesta goleou Alpendorada por 4-0

Braga foi a figura do encontro ao apontar dois golos.

O Infesta venceu esta tarde o Alpendorada por 4-0 e tem praticamente pé e meio na fase de promoção. O encontro iniciou morno, sem grandes oportunidades de parte a parte, mas com o Infesta a ter mais posse de bola. Só aos 19 minutos é que o Infesta criou o primeiro lance de grande perigo quando Pedro Pereira faz um passe em profundidade para as costas da defesa do Alpendorada onde aparece Paulinho que, com a pressão exercida pelo guardião Muller, atira ao lado. Dois minutos depois, Braga ganha posição dentro da área, mas atira à figura de Muller. Pouco depois, Tiago Dias tenta cruzar para a área, a bola vai junto à barra e quase entra, valeu Muller que defendeu para canto. O Infesta era a única equipa com pendor atacante ao contrario do Alpendorada que aqui e ali, tentava timidamente sair para o ataque. Aos 35 minutos, Guedes, numa jogada de insistência pela direita, cruza para o centro da área, onde aparece o central Rui Jorge que atira para o golo. O Infesta galvaniza-se e procura chegar ao segundo golo ainda antes do intervalo e conseguiu-o aos 45′ por Braga que desvia de cabeça ao primeiro poste para o fundo da baliza, depois do pontapé de canto marcado por Paulinho da esquerda. Ao intervalo, o resultado ajustava-se ao único sentido que a bola teve na primeira parte, o da baliza do Alpendorada.

Na segunda metade, aos 50 minutos, Paulinho de livre, atira rente ao poste dando a sensação de golo, mas a bola saiu ao lado. Pouco depois, o golo chegou mesmo por Braga que isolado, após desmarcação de Vitinha I e sobre forte pressão dos defesas adversários, faz o 3-0. O jogo estava praticamente ganho mas o Infesta queria mais e não faltaram lances de ataque que poderiam ter tido o destino do golo. Aos 75 minutos, o único lance de grande perigo do Alpendorada quando Rúben atira ao poste e na recarga, Luís Carlos atira por cima. Poucos minutos depois, Paulinho teve o golo nos pés quando numa jogada de contra-ataque, Braga deixa para a direita onde está Paulinho que sem oposição, falha de baliza aberta. No minuto seguinte, Vitinha II remata à entrada da área, mas a bola sai ao lado, mas mesmo a terminar, o extremo do Infesta consegue o melhor golo da tarde quando rouba a bola a um defensor do Alpendorada e isolado perante Muller, faz um “chapéu” fechando o marcador. O árbitro da partida, Sr. Ângelo Correia de Castelo Branco, esteve bem em toda a partida. Vitória justa do Infesta que fica a 5 pontos de alcançar matematicamente o objectivo dos seis primeiros. Na próxima jornada, o Infesta desloca-se a Vila Meã.

Na formação, os iniciados venceram o Colégio de Ermesinde por 1-0, no único encontro dos escalões de formação de hoje.

Deixe um comentário