Futebol: Infesta soma mais uma vitoria rumo à manutenção

Infesta somou esta tarde a quinta vitoria em seis jogos.

A visita do Pedras Rubras, terceiro classificado do campeonato, ao terreno do Infesta, não se afigurava nada fácil para a equipa de Formoso. Porém, dois golos nos primeiros 10 minutos da partida e um penalti defendido por Miguel quando o resultado ainda estava em 2-0, foram os lances determinantes que ditaram a conquista dos três pontos para o Infesta.

Substituições: 

– Mário -> Pedro Oliveira – 61′
– Sousa -> Nandinho – 61′
– Nuno Barbosa -> João Rodrigues – 83′
– Jonas -> Ricky – 83′

Não jogaram: Ricardo, Káká e Rivaldo.

Treinador: António Formoso

Disciplina: Cartões amarelos a Vitinha (60′) e Galego (67′).

O Infesta entrou muito bem na partida pois logo aos 4 minutos, Bertinho apareceu isolado perante Bruno e à saída de entre os postes deste, não perdoou e inaugurou o marcador a favor do Infesta. No segundo lance de perigo do Infesta, aos 10 minutos, a equipa de Formoso fez o segundo golo por Mário, que após cruzamento da direita de Bertinho, parou, ajeitou e rematou a bola para o fundo da baliza de Bruno. A vencer por 2-0, a equipa do Infesta recuou no terreno e deu a iniciativa do jogo à equipa maiata do Pedras Rubras, embora tenha sido o Infesta a criar novamente perigo aos 22 minutos, quando Jonas ganhou a bola ao lateral direito, foi à linha de fundo, cruzou para Sousa que rematou para a baliza onde o desamparado Bruno estava batido, mas onde apareceu Abílio que tirou a bola em cima da linha de golo. O Pedras Rubras teve o primeiro e único remate com relativo perigo aos 25 minutos por China que rematou cruzado mas ao lado da baliza de Miguel.

Na segunda parte, o jogo manteve-se equilibrado com oportunidades para ambas as equipas. Mas aos 50 minutos, numa saída a punhos à bola, o guarda-redes Miguel foi agredido na face por Nogueira, num lance em que o atleta do Pedras Rubras deveria ter sido expulso. Aos 52 minutos, jogada de perigo da equipa forasteira onde aparece Abílio na área que de cabeça, atirou junto ao poste. O Infesta respondeu dois minutos depois por Jonas que rematou de pé esquerdo, obrigando o guarda-redes Bruno a ter de se aplicar. Aos 67 minutos, a bola vai à mão de Galego após uma jogada confusa na área do Infesta e o árbitro assinalou grande penalidade. Uma decisão algo controversa que poderia relançar a discussão do resultado. Na conversão, Miguel Ângelo opôs-se bem ao pontapé de Nogueira, adivinhando o lado e defendendo superiormente. Dez minutos depois, o Infesta chega ao terceiro golo. Após mais um lance confuso na área do Pedras Rubras, a bola vai à mão de Jesus e o árbitro assinala mais uma grande penalidade, desta feita a favor do Infesta, na conversão, Vitinha não perdoou e fez o 3-0. O Pedras Rubras ainda assustou com um excelente remate de Pedrinho a rasar o poste aos 86 minutos e em cima do minuto 90, Pedro Oliveira remata para defesa apertada de Bruno.

O Infesta venceu bem, talvez por números exagerados. O árbitro da partida não esteve bem em alguns lances da partida. Com esta vitoria, o Infesta soma a quinta vitoria nas ultimas seis jornadas e subiu mais uma posição na tabela classificativa. Uma fantástica recuperação da equipa de Formoso que está já muito próxima da zona de manutenção.

Deixe um comentário