Futebol: Infesta termina o ano com derrota pesada

Canidelo foi superior ao Infesta.

Não há muito a dizer sobre uma partida em que a equipa visitante foi claramente superior ao Infesta. A equipa do Canidelo venceu por 0-4, um resultado algo exagerado, mas que fez jus à vitoria.

Prova: Campeonato da Divisão de Honra – AF Porto | 13ª Jornada
Local: 
Parque de Jogos – Manuel Ramos – Arroteia
INFESTA:
Miguel, Sousa, Tiago, André Ribeiro, Estrela (André Fernandes, 86′), Ricardo (Jean, 71′), João (Vitinha, 46′), Mário, Lúcio, Paiva e Rui Ferreira.
Treinador:
Jorginho
Suplentes não utilizados:
Rudi, Guedes, Semedo e Carlos.

Galvanizados pela perca de pontos no dia anterior do Maia Lidador, um dos adversários directos na luta pela subida, o Canidelo praticamente instalou-se no meio-campo do Infesta durante a primeira parte. No entanto, só aos 25 minutos é que a equipa de Vila Nova de Gaia criou o primeiro lance de perigo por Ivo que após um cruzamento da direita, o numero oito dos visitantes atirou de cabeça para uma defesa “a meias” entre Miguel e o poste. Foi o primeiro sinal de perigo para o golo que viria a acontecer no minuto seguinte, jogada rápida pela esquerda de Medeiros, este cruza rasteiro para a entrada da área onde aparece Azevedo que rematou rasteiro e colocado para a baliza de Miguel, inaugurando o marcador. Aos 35 minutos, num pontapé do guarda-redes Lima, os dois centrais do Infesta “desentendem-se” e a bola sobra para Luis Pereira que à saída de Miguel, não deu hipóteses e aumentou a vantagem.

Na segunda metade, o Infesta entrou com vontade de chegar ao golo e prova disso, logo aos 46 minutos surge um cruzamento da direita de Rui Ferreira para Lúcio atirar de cabeça à barra da baliza de Lima. No minuto seguinte, boa jogada de ataque do Infesta com Rui Ferreira a rematar para excelente defesa do guardião adversário. O Infesta insistia em querer marcar e aos 51 minutos, Rui Ferreira surge pela direita, faz um cruzamento para Paiva que de cabeça atira ao poste, na recarga, Lúcio por duas vezes, não consegue bater o guarda-redes do Canidelo. Só dava Infesta e aos 54 minutos, novo cruzamento da direita, desta feita de Paiva para Lúcio que atira de cabeça para excelente defesa de Lima. O Infesta não conseguia concretizar dentro da grande área e Sousa, experimente um remate de longe, mas a bola saí ao lado. André Ribeiro de cabeça, aos 62 minutos, tentou reduzir mas a bola saiu à figura. Aos 75 minutos, Tiago faz falta sobre Joel dentro da área e o árbitro assinala grande penalidade. Na conversão, Luis Pereira faz o seu segundo golo. Dez minutos depois, Estrela jogou com a mão dentro da área cometendo falta para penalti, Medeiros converteu com sucesso, estabelecendo o resultado final em 0-4.

Vitória justa do Canidelo mas por números exagerados. O Infesta esteve muito apático na primeira parte, dando dois golos de avanço à equipa gaiense. Com a derrota, a equipa de Jorginho é alcançada pelo Vila FC. A próxima jornada será disputada no dia 3 de Janeiro e o Infesta terá a deslocação ao terreno do Ermesinde.

Foto: Carla Ferreira

Deixe um comentário