Futebol: Jovem Neto, embalou o Infesta para a vitória

Vitória, permite ao Infesta sair da zona de despromoção.

O Infesta bateu o Gens, num jogo entre duas equipas que lutam pela manutenção, o Infesta foi superior em todos os capítulos e, apesar de algumas contrariedades, soube dar uma boa resposta quando esteve duas vezes em desvantagem.

Prova: Campeonato da Divisão de Honra – AF Porto | 19ª Jornada
Local:
Parque Desportivo de Gens, Gondomar
INFESTA:
Miguel, Sousa, Teixeira, André Ribeiro, Estrela, Soares (André Fernandes, 60′), Mário, Lúcio, Vitinha (Rafael Resende, 60′), Rui Ferreira e Paiva (Neto, 75′).
Treinador:
Jorginho
Suplentes não utilizados:
Guilherme, Semedo e Ricardo.

O Infesta entrou apático na partida frente a uma equipa do Gens, bastante acessível que faz jus à posição que ocupa na tabela classificativa. A apatia do Infesta originou a que a equipa da casa chega-se à vantagem no marcador, através de uma grande penalidade muito duvidosa, pois Miguel antes de derrubar o adversário, defendeu primeiro a bola com a mão. Aos 15 minutos, o Gens adianta-se no marcador. Após o golo, o Infesta tomou conta do jogo e criou várias oportunidades de golo por Mário, Rui Ferreira e Lúcio que isolados, não conseguiram desfeitear o guardião da casa. Jornada após jornada, a “malapata” com os árbitros continua e mais uma vez, prejudicou o Infesta ao não assinalar uma grande penalidade contra o Gens e a invalidar um golo limpo a André Ribeiro por pretenso fora-de-jogo. Após tanta insistência, o empate chegou através de Mário e até ao intervalo, o 1-1 não se alterou, resultado que sabia a pouco para o Infesta.

Na segunda parte, a equipa de Jorginho voltou a entrar displicente e o Gens, pouco depois do inicio da etapa complementar, conseguiu chegar novamente à vantagem. Depois de algumas mexidas, o Infesta voltou a controlar o jogo e chegou novamente ao empate por Rui Ferreira que finalizou após cruzamento de Estrela. O ainda junior de primeiro ano, Neto, acabado de entrar na partida, faz um golo de belo efeito a responder de cabeça a um cruzamento de Sousa, colocando justiça no marcador. Perto do final da partida, Lúcio, também de cabeça, fechou a contagem em 2-4.

Boa vitória para o Infesta que saiu da zona de despromoção, ultrapassando o Balasar que perdeu em casa com outro “aflito”, o Vila FC. De realçar nesta jornada a primeira derrota do líder Canelas 2010, frente ao Gondim-Maia, o segundo classificado e adversário do Infesta na próxima jornada.

Foto: Carla Ferreira

 

Deixe um comentário