Futebol Juvenil: Dupla jornada para os iniciados

Iniciados perdem com Gondomar mas vencem Valonguense de seguida.

O início da prova extraordinária ditou a recepção do Gondomar num momento em que há uma necessidade de gestão da equipa em duas provas que coincidem nas três primeiras jornadas e que implicou o recurso a jogadores do escalão anterior para que a equipa não ficasse limitada nos recursos disponíveis.

O primeiro encontro do dia, foi frente ao Gondomar tendo inicio a prova extra. A equipa entrou bem no jogo e, apesar da inferioridade física, procurou manter a identidade que caracteriza o nosso modelo de jogo. Todavia a maior rodagem e dinâmica da equipa adversária começaram a fazer a diferença e o FC Infesta, apesar da boa réplica, começou a dar espaços e a fazer uma organização defensiva menos eficiente. Não obstante o resultado avolumado, o principal objectivo deste jogo passava por dar minutos aos atletas menos utilizados e fazê-los crescer em jogo e isso foi amplamente conseguido. Resta-nos continuar no mesmo caminho e reforçar o investimento nestes atletas para que amanhã possam apresentar-se num patamar superior.

No encontro do campeonato e após dois desaires consecutivos, o FC Infesta recebeu o Valonguense e obteve uma boa vitória sem qualquer contestação e que peca por escassa. A equipa encaixou bem a paupérrima exibição em Valadares e cedo se percebeu que era importante recuperar toda a identidade que nunca se viu na última jornada. O FC Infesta entrou com muito velocidade e dinâmica e alcançou o primeiro golo com muito mérito numa bela jogada pelo corredor coroada com uma boa finalização. A dinâmica de posse e de construção apoiada esteve num bom registo e as nossas laterais conseguiam criar situações de superioridade com qualidade e que originaram variadas situações de golo mas que das quais apenas se conseguiu concretizar duas. Ao intervalo o resultado final estava feito. Na segunda parte a equipa teve o mérito de não adormecer no resultado mas o desacerto na finalização penalizou o marcador que devia ser mais dilatado. Foi um belo jogo do FC Infesta, recuperando muitos conceitos que andaram adormecidos durante algumas jornadas e que certamente deixou a todos os que assistiram à partida uma satisfação pelo belo espectáculo a que se assistiu. Paulo Pontes, que bisou e um jogador adversário (auto-golo), foram os autores dos golos do Infesta.

 

Texto: Bruno Machado

 

Deixe um comentário