Futebol Juvenil: Juvenis sobem à 1ª Distrital

Empate em Folgosa, foi suficiente para garantir a subida de divisão.

Jogo do tudo ou nada para os juvenis do FC Infesta. A equipa de juvenis do Infesta, partiu para este jogo com a necessidade de pelo menos empatar o jogo pois o adversário, o Folgosa da Maia, estava em igualdade pontual com o Infesta mas, fruto da vitória em casa frente a este mesmo adversário na primeira volta, os comandados por Filipe Figueiras tinham vantagem.

A tensão foi grande antes e durante todo o jogo e nada melhor que libertar alguma dessa tensão com um golo e foi isso que aconteceu. Fruto da melhor entrada no jogo da equipa infestista que entrou “mandona” a controlar o jogo e raramente deixando o adversário chegar com perigo à nossa baliza, numa jogada em que nunca deu a bola como perdida, pois foi fruto da insistência dos jogadores, que Ivan entra na grande área da equipa adversária e com um potente e colocado remate, coloca o Infesta na frente do marcador. Justíssimo o golo pois até essa altura, era sem sombra de dúvidas, a melhor equipa em campo. A vencer por 1-0, nunca se deixou de acreditar que era possível marcar um outro golo. O perigo causado pela equipa adversária resumiu-se a um remate de fora da área, um cruzamento tenso a rasgar toda a área do Infesta e alguns lances de bola parada. O intervalo chega e o Infesta poderia ir para o descanso com uma vantagem mais dilatada mas, fruto da tensão que se vivia em campo, tal não se concretizou.


A segunda parte iniciou-se com um Folgosa, que nada mais tinha a perder, pressionante e a causar algumas dificuldades junto da defensiva infestista. Os atletas do Infesta, em rápidos contra-ataques, encontraram-se um punhado de vezes em frente ao guarda-redes da equipa adversária e, mais uma vez, a falta de serenidade na altura do remate para o fundo das malhas, levou a que não se concretizasse e como se costuma dizer, quem não marca, acaba por sofrer, foi isso que aconteceu pois o Folgosa chega ao empate através de um remate de fora da área. Mesmo com esse revés no jogo, o Infesta foi sempre superior ao adversário e não saiu de Folgosa com um resultado mais dilatado por falta de sorte, serenidade e muito cansaço acumulado ao longo de 34 jogos oficiais, mais alguns amigáveis que deverá totalizar mais de 40 jogos. O resultado terminou com o empate a um golo, com o adversário completamente rendido ao poderio da equipa de Filipe Figueiras, que soube controlar o jogo até ao seu fim.
Nada a dizer da equipa de arbitragem cometeu muito poucos erros, apenas um ou outro amarelo mal mostrado.
Parabéns aos Atletas, Equipa Técnica, Massagistas, Directores, Coordenadores e toda a massa adepta que proporcionou a conquista da subida de divisão.
Na próxima época desportiva, a equipa irá competir na 1ª Divisão Distrital da A.F. Porto.
Entretanto continuará a competir no torneio que o Atlético de Rio Tinto está a organizar e no qual, o Infesta já se encontra apurado para a final do mesmo.

Deixe um comentário