O Infesta somou a quarta vitória neste campeonato, a segunda consecutiva. Desta feita, foi frente ao Perosinho, adversário direto na luta pela manutenção. A equipa orientada por Sérgio Nora, vencia ao intervalo por 2-0, com dois golos de Miguel Dias, os forasteiros empataram na segunda parte, mas no último lance da partida, Zé Miguel deu os três pontos ao Infesta.

Domingo | 7 de Novembro de 2021 | 15h00

Divisão d’Élite – Pró Nacional – Série 2 | AF Porto | Jornada 10

Parque de Jogos – Manuel Ramos – Arroteia

FC INFESTA 3-2 CF PEROSINHO

1-0 Miguel Dias (33′) | 2-0 Miguel Dias (40′) g.p. | 2-1 Malícia (57′) p.b. | 2-2 Renato (73′) | 3-2 Zé Miguel (90+4′)

FC INFESTA: Miguel Silva, Malícia, Zé Miguel, Elvas, Morais, João Ricardo (76′), Teixeira, Nuno Nora (40′), Aroso (60′), Diogo Costa (60′) e Miguel Dias.

TR: Sérgio Nora

Suplentes: Boucinha, Rafa, Afonso, Dinis (40′), Rui Neves (60′), Paulinho (60′) e Tiago Martins (76′).

CF PEROSINHO: Ima Lino, João Pereira, André Ferreira (46′), Renato, Lato Djaló, Diogo Pera (84′), Diogo Eiras (84′), Ruizinho, Diogo Almeida, Marquinho (46′) e Tito.

TR: Paulo Marques

Suplentes: Pedro Pereira, Tiago (46′), Nuno Barbosa (84′), Estrela (84′), Gonçalo Ferreira, Mauro e Gonçalo Rocha (46′).

Galvanizados pela primeira vitória no campeonato, na jornada anterior, o Perosinho entrou melhor na partida e foi a primeira equipa a criar perigo, logo aos 10 minutos, Marquinho num remate rasteiro, obrigou Miguel Silva a aplicar-se. Pouco depois, Diogo Eiras, em boa posição, rematou forte e colocado, para uma excelente intervenção do guardião do Infesta para canto. Aos poucos, o Infesta ia sacudindo a pressão e Nuno Nora, rematou junto ao poste. Com o jogo mais equilibrado, aos 33 minutos, Miguel Dias é lançado em profundidade pela direita, passou por dois defesas e de ângulo apertado, fez um golo de belo efeito, colocando o Infesta na frente do marcador. Aos 40′, Aroso é agarrado dentro da grande área por Diogo Eiras, sofrendo falta para grande penalidade. Na conversão, Miguel Dias bisou e fez o sétimo golo no campeonato. Ainda antes do intervalo, Diogo Eiras desfere um remate perigoso, mas mais uma vez, Miguel Silva esteve em grande nível.

No reatamento, o Perosinho a perder por 2-0, entrou determinado em marcar cedo para poder discutir o resultado e aos 57 minutos, conseguiu reduzir, com um auto-golo de Malícia. A pressão era constante e chegaram mesmo ao segundo golo aos 73 minutos por Renato que através de um pontapé de canto, saltou mais alto que todos e empatou a partida. A partir daqui, só deu Infesta, a equipa visitante limitou-se a defender o “ponto” e o Infesta foi a única equipa a procurar a vitória, vitória essa que apareceu já em tempo de compensação por Zé Miguel que de cabeça, respondeu certeiramente após um pontapé de canto, dando os três pontos e a quarta vitória da temporada, ao Infesta.

Com esta vitória, o Infesta mantém a sétima posição com 14 pontos somados, estando a 3 pontos dos segundos classificados, Rio Tinto e Coimbrões, este último, será o adversário do próximo domingo, em jogo da 11ª jornada, jogo marcado para as 15h00 no Parque Silva Matos em Vila Nova de Gaia.