Duas partes distintas, ditam derrota para o Infesta

Domingo | 4 de Outubro de 2020 | 15h00

Divisão de Elite – Pró Nacional – Série 1 | AF Porto | Jornada 3

Complexo Municipal de Pedrouços, Maia

PEDROUÇOS AC 3-2 FC INFESTA

1-0 Rafael (30′)gp; 1-1 André Ribeiro (33′); 2-1 Rafael (53′); 2-2 Lúcio (58′); 3-2 Jair (80′)

PEDROUÇOS AC: Mata (46′), Folha, Boni, Hugo Ramalho, Diogo, Leo (78′), Jair, Medeiros (46′), Rafel, Pulga e João Pedro (82′).

TR: Joca

Suplentes: Djaló (46′), Machado (82′), Luís Mika (46′), Pedro Alexandre (78′), Ruben, Hugo Rego e Ângelo.

 

FC INFESTA: Miguel Ângelo, Malícia (55′), João Ricardo, André Ribeiro, Morais, António, Lúcio, Morgado, Mota (55′), Dani (75′) e Igor (75′).

TR: Bruno Costa

Suplentes: Pedro Marques, Ventura (55′), Bessa, Paulinho, Mateus (55′), Miguel Rosa (75′) e João Rodrigues (75′).

Em jogo da terceira jornada do campeonato, o Infesta apresentou-se em Pedrouços determinado a conquistar os três pontos. Foi melhor durante toda a primeira parte, apesar de ter estado a perder, mas a equipa da casa fez-se valer de alguns jogadores mais experientes para conseguir vencer a partida no segundo tempo, perante um Infesta irreconhecível na etapa complementar.

O Infesta entrou muito bem no encontro, logo com três ocasiões soberanas para chegar à vantagem, primeiro Igor, aos 5 minutos, isolou Dani que à saída do guarda-redes da casa, não conseguiu desfeitear Mata e dois minutos depois, numa jogada de insistência, após má reposição de bola do guardião da casa, Dani novamente em boa posição, remata com perigo mas Mata defende para canto com os pés. Aos 10 minutos, António tem um remate à entrada da área que saiu pouco por cima da baliza do Pedrouços. A equipa do Infesta dominava a partida, com muita atitude por parte dos atletas, construindo bem desde traz e em lances de contra-ataque, criava grandes problemas ao Pedrouços. O domínio era de tal forma avassalador pois só aos 29 minutos é que surge o primeiro remate da equipa visitante, com Ramalho a rematar à figura, após boa jogada de Rafael. Na resposta, Igor em boa posição, tinha outras opções mas preferiu rematar, com Mata a defender seguro. Aos 30 minutos, João Ricardo faz falta dentro da área sobre Rafael, penalti a favor do Pedrouços que o próprio Rafael se encarregou de bater e marcar o primeiro golo do encontro, a favor dos visitados. Três minutos depois, livre a favor do Infesta pela esquerda, Morgado cruzou para a área onde apareceu André Ribeiro que de cabeça fez o empate no encontro. Antes do intervalo o Infesta teve mais duas boas oportunidades para chegar ao segundo golo, mas Igor e Dani, estavam em dia não.

Na segunda parte, a equipa entrou com outra atitude, mais passivos, a ver jogar e com naturalidade, o Pedrouços chegou ao golo aos 53 minutos por Rafael, que bisou na partida, com um remate forte e colocado à entrada da área, sem hipóteses de defesa para Miguel Ângelo. O Infesta respondeu pouco depois por Dani que ganhou posição ao central e isolado, rematou ao lado da baliza. No minuto seguinte, através de um pontapé de canto batido por Morgado, Lúcio apareceu ao primeiro poste para desviar de cabeça para o golo, fazendo assim o empate a dois. A partir desse momento, praticamente deixou de existir o Infesta em campo, a equipa estava apática, permitindo aos da casa ter iniciativa de jogo, que embora sem grande perigo, ia criando algum frisom perto da área do Infesta. O único lance de registo foi aos 80 minutos, através de um livre de Jair, que deu no terceiro golo da equipa da casa.

Com esta derrota, o Infesta desceu para a zona de despromoção, somando apenas um ponto em três jornadas. No próximo domingo, a equipa recebe o Oliveira do Douro, em jogo a contar para a 4ª jornada do campeonato, às 15h00.