Jogo de cariz importante para ambas as equipas, o Pedroso não queria deixar fugir um dos adversários diretos na luta pela manutenção e o Infesta, a querer aumentar ainda mais a vantagem pontual para os últimos classificados, onde se incluí o seu adversário. Esta partida ficou marcada pela despedida do goleador do Infesta, Miguel Dias, que irá representar o SC Vila Real do Campeonato de Portugal.

Domingo | 5 de Dezembro de 2021 | 15h00

Divisão d’Élite – Pró Nacional – Série 2 | AF Porto | Jornada 15

Complexo Desportivo de Pedroso, Vila Nova de Gaia

FC PEDROSO 1-2 FC INFESTA

0-1 Aroso (17′) | 0-2 Miguel Dias (49′) | 1-2 Morais (52′) p.b.

FC PEDROSO: Gabi, Miguel (52′), Isidro, Esteves, Soeiro (52′), Didi, Diogo, Cunha, Caique, Gui e Ricardo (81′).

TR: Cristiano Freitas

Suplentes: Matias (52′), Leo (52′), Kiko (81′).

FC INFESTAMiguel Silva, Rafa (76′), Zé Miguel, André Ribeiro, Morais, Paulinho, Viana (60′), Aroso, André Teixeira, Matheus Azevedo (76′) e Miguel Dias.

TR: Sérgio Nora

Suplentes: Mateus Vieira, Dinis, Afonso, Elvas (76′), Mateus Monteiro, Diogo Costa (76′) e Simãozinho (60′).

Disciplina: Cartão vermelho por acumulação de amarelos a Matias (Pedroso).

Uma exibição sólida e capaz, foi suficiente para o Infesta amealhar mais três pontos preciosos, nesta caminhada, perante o aflito Pedroso que tudo fez para alterar a tendência do jogo, ou seja, o sentido da baliza dos visitados. O Infesta teve um inicio prometedor, com vários lances de ataque e chegou ao golo aos 17 minutos por Aroso, que no interior da pequena área, respondeu com um remate certeiro a uma assistência de Matheus Azevedo. Em desvantagem, o Pedroso dificultou as ações do Infesta, com alguma agressividade na disputa dos lances. Até ao intervalo, houve um certo equilíbrio mas os lances mais perigosos, foram do Infesta, primeiro por Miguel Dias com um remate junto ao poste e depois por Matheus que Gabi, respondeu com uma defesa segura. Caíque a fechar a primeira parte, na cara de Miguel Silva, rematou para fora.

Na segunda metade, o Infesta entrou determinado em aumentar a vantagem e Miguel Dias, depois de uma excelente assistência de Morais, fez o segundo para o Infesta, o seu 11º na conta pessoal. Poucos minutos depois, num lance infeliz, Morais faz um auto-golo, através de um pontapé de canto a favor da equipa do Pedroso. Após o golo que reduziu a desvantagem, o Pedroso acreditou que poderia chegar ao empate e pressionou para que tal acontecesse, principalmente em lances de contra ataque e através de bolas paradas. Por sua vez, o Infesta poderia ter alargado a vantagem por Matheus aos 75 minutos, quando rematou à figura de Gabi e pouco depois, Miguel Dias desperdiçou uma grande penalidade, após falta sobre o júnior, Simãozinho, permitindo que Gabi defende-se. Perto do final, Diogo Costa não aproveitou um erro do guarda-redes da casa que largou a bola em zona proibida.

O resultado não se alterou e o Infesta conquistou assim, mais 3 pontos, somando agora 22 no campeonato. No próximo domingo, o Infesta recebe o Candal.