A equipa de sub 21 do Infesta, deslocou-se até Lavra onde defrontou o Lavrense e empatou a dois golos. Este empate, faz com que o Infesta termine esta prova na 4ª posição da tabela classificativa.

O treinador Diogo Rios comentou a partida da seguinte forma: “Entrada forte no jogo e ganhamos vantagem nos primeiros 15 minutos. Continuamos atrás de mais mas o guarda redes da equipa adversária, para mim o melhor em campo, foi adiando o segundo golo. Com dois erros individuais defensivos fomos castigados com golos mas mantivemos o espírito guerreiro de ir à procura da vitória. Chegamos ao empate aos 90 minutos e depois disso ainda conseguimos enviar uma bola ao poste e mais duas oportunidades claras de golo. Resta – nos lamentar a falta de eficácia que temos tido nos últimos jogos. Este jogo marca a despedida de uma geração fantástica do clube que infelizmente não teve a oportunidade de competir durante mais tempo.
As maiores felicidades todos, foi um orgulho trabalhar com todos vocês.”

A equipa de Juniores, recebeu e venceu o Ataense por 5-2, somando assim a segunda vitória nesta série.

O treinador Paulo Oliveira, comentou assim o encontro: “A diferença deste jogo para os últimos disputados foi a eficácia. Domínio e controlo do jogo com bola, sem bola e retirando a profundidade ao Ataense mantivemos o jogo defensivamente também sob controlo. A nossa identidade veio ao de cima, com boa circulação de bola, aliado ao prazer que a equipa hoje demonstrou em desfrutar do jogo juntando a eficácia, aproveitando inclusive alguns erros por parte do Ataense, chegamos ao resultado final perfeitamente justo.”

Na próxima jornada, o Infesta desloca-se ao Leça para fechar o campeonato.

A equipa de Juvenis A, perdeu no Salgueiros por 3-2.

O treinador Miguel Carvalho, comentou a partida da seguinte forma: “Comecemos pelo fim, já sabemos que as vitórias morais, que de pouco ou nada vale, mas se há jogo em que o resultado é injusto é este. Em relação ao jogo, entrada forte, inteligente, sabendo da mais valia do adversário soubemos conter, esperar e ir para cima no momento certo.entramos e aos 15m fizemos o golo e ficamos na frente. O adversário reagiu, mas fomos sempre mais perigosos nas apróximações á baliza. Mesmo assim o adversário acaba por fazer o empate. Reagimos e acabamos por fazer o 2-1 e voltar a estar por cima e na frente. Podiamos ter feito o 3-1 e sentenciado o jogo, mas não conseguimos. O adversário faz o 2-2 numa sobra de bola. Desgastados e apesar do elevado numero de lesionados, nomeadamente dos defesas, só um lateral de raiz, o resto foi adaptado, lutamos até ao fim e num pequeno erro defensivo a 6segundos do fim sofremos o 3-2. Os parabéns á equipa que hoje sim, mostrou-se verdadeiramente! Foram enormes!

Na próxima jornada, o Infesta recebe o Leça para fechar o campeonato.

A equipa de Juvenis, recebeu a Escola Benfica de Matosinhos e venceu por 2-0.

O treinador José Martins comentou a partida da seguinte forma: “Em primeiro lugar deixar as melhoras ao nosso atleta Gui que aos 4 minutos num choque com o Gr fracturou o pulso.
1a parte muito igualada em que a equipa teve dificuldade em encontrar espaços no meio campo adversário por não estar bem posicionada em campo , defensivamente conseguimos anular à procura da profundidade pelo adversário.
Na segunda parte com alguns ajustes a equipa conseguiu chegar ao último terço com mais critério , tendo acabado por chegar aos golos aos 90 e aos 96 minutos , premiando a excelente entrega dos atletas , defensivamente permitiu alguns espaços entre linhas ( defensiva e média ) mas o adversário pouco perigo criou” .

Na próxima jornada, termina o campeonato com uma deslocação ao Águas Santas.

Nas restantes partidas, os iniciados A, perderam 0-6 e os iniciados B, perderam por 0-9, ambas com o Leixões.

Fotos: Alfredo Oliveira e Fernanda Neto